Perante o teu túmulo

Hoje…cinco meses depois da tua partida… deparei-me com a tua sepultura escura e fria.
Está pronta a tua morada…ali…
Ao ajoelhar-me nela, vi-me refletida num caminho escuro sem vida e sem retorno.
O olhar determinado do retrato que ali jaz contigo, mostra bem a mulher forte e determinada que sempre foste. Enraivesse-me a tristeza que paira nele e que nunca vou conseguir apagar.
Será possível?…
És mesmo tu que ali estás?
Queria-me para sempre a teu lado.
Levanto-me , de repente, a pedra fria parecia estar a apoderar-se de mim…
Que tentação….
Porém, a mão quente e amada que tornou fácil o meu erguer, chama-me à vida.
Vida depois de ti….? Não sei. Que importância tem isso.
Mas, por ti, por ele… vou tentar.

Deixe um comentário

Filed under Sem categorias

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s